Indústria

Logística reversa: entenda o papel da indústria de beleza

Entenda o que é logística reversa e veja quatro medidas que podem ser adotadas para expandir as ações sustentáveis do seu negócio.

Logística Reversa: Entenda o Papel da Indústria de Beleza
Por Redação em 25 de abril de 2023

A logística reversa tem um grande impacto na indústria da beleza, especialmente em relação à gestão dos resíduos gerados pela produção e uso de cosméticos.

Com a tomada de consciência do público em relação à sustentabilidade e práticas que protegem o meio ambiente, as marcas precisam aplicar ações que diminuam os efeitos negativos gerados sobre a natureza.

Neste artigo vamos discutir a questão e explicar medidas que empresas podem adotar para atender a essas demandas!

O que é logística reversa?

A logística reversa é o processo de coletar e reciclar produtos e embalagens usadas, e a indústria da beleza tem a oportunidade de reduzir seu impacto ambiental adotando essas práticas.

Ela é capaz de reforçar práticas de ESG da indústria, diferenciais competitivos fundamentais e, em determinados países, até mesmo obrigatórios, o que favorece a exportação de cosméticos.

Como a logística reversa pode ser usada por marcas de cosméticos

A seguir, estão alguns exemplos de como a logística reversa pode afetar a indústria da beleza:

1. Embalagens retornáveis

Uma maneira de reduzir o desperdício é usar embalagens retornáveis. Isso significa que o cliente pode retornar caixas, bisnagas e outros recipientes vazios à loja e receber um desconto na compra de um novo produto. Assim, a reutilização é incentivada e a quantidade de resíduos que acabam em aterros sanitários é reduzida.

Veja também: Quais as informações obrigatórias no rótulo de cosméticos?

2. Reciclagem

A logística reversa também pode envolver a reciclagem de embalagens e produtos usados. É possível, por exemplo, estabelecer programas de coleta de resíduos em suas lojas ou oferecer pontos específicos para que os clientes possam descartar seus resíduos da forma mais adequada. Esses materiais, então, seriam usados na produção de novos produtos, por exemplo.

3. Redução do desperdício de produtos

Uma medida possível para as marcas é aceitar a devolução de produtos que não foram usados ou que estão fora do prazo de validade e direcioná-los para doações no primeiro caso ou programas de reciclagem, no segundo. Assim, reduz-se o desperdício de produtos e a vida útil dos materiais é mais bem aproveitada.

4. Responsabilidade ambiental

Adotar práticas de logística reversa é uma maneira de demonstrar a responsabilidade ambiental da empresa. Isso pode atrair consumidores que valorizam a sustentabilidade e fazem suas decisões de compra com base nas práticas ambientais da empresa.
Quer entender mais sobre o assunto? Veja como a marca Keune se tornou uma das maiores do Brasil por meio da sustentabilidade e garanta o futuro do seu negócio.